Record diz que Gugu deixou as últimas edições do Canta Comigo gravadas

Em entrevista recente, o apresentador Gugu Liberato falou que estava em um momento de desaceleração de sua carreira para ficar mais com a família e os filhos
A Record informou que Gugu Liberato, de 60 anos, deixou as duas últimas edições do reality Canta Comigo já gravadas. A emissora não divulgou se os programas que, inicialmente seriam exibidos nos dias 27 de novembro e 4 de dezembro, vão ao ar. A morte do apresentador foi confirmada nesta sexta-feira, dia 22, após ele sofrer um acidente doméstico em sua casa em Orlando, nos Estados Unidos.

Canta Comigo, uma versão nacional de All Together Now, formato original da Endemol Shine Group, era a segunda temporada de Gugu a frente do mesmo . A ideia da atração é testar se o candidato, ao se apresentar, é capaz de levantar cem jurados de uma só vez para cantar junto.

No dia 20, quarta-feira, a Record exibiu a primeira etapa da semifinal do programa com oito participantes. A outra fase da semifinal estava programada para ser transmitida no dia 27, e a grande final, em 4 de dezembro. O programa estava marcando média de sete pontos de audiência.

No dia 20 de setembro, em entrevista para falar sobre a estreia do programa, Gugu disse que o Canta Comigo era o seu "xodó". "Estou muito feliz com o que eu estou fazendo. O Canta Comigo foi uma grata surpresa, um presente da Record para mim. Logo que vi o formato, fiquei apaixonado", disse ele na ocasião.

Gugu apresentava também o reality Power Couple, que já tinha mais uma temporada confirmada para 2020.

Gugu, na Record desde 2009, tinha renovado em janeiro o seu contrato com a emissora por mais três anos. Em recente entrevista, ele tinha falado que estava em um momento de desaceleração de sua carreira para ficar mais com a família e os filhos, João Augusto, 17, e as gêmeas Sofia e Marina,15.

"Desacelerei minha vida profissional, em função dos meus filhos e da minha família. Era uma loucura ter um programa semanal de quatro horas de duração, e ao vivo. Fiz isso porque eu quis. A proposta da Record foi muito boa porque trabalho alguns meses e fico de folga nos demais nos Estados Unidos", disse na época. (Por: FolhaPress)

(Foto: Reprodução/Record)

***

***